Aprenda técnicas infalíveis para se destacar no Linkedin! Se você tem mais de 35 anos vai adorar as dicas!

Como se destacar no Linkedin

Ouça o Podcast aqui:

Empregabilidade após os 35 anos

Atualmente 12,4% da população brasileira está desempregado, o que significa, no mínimo, 1 milhão pessoas , porém elas não estão “desocupadas”. Algumas estudam para concurso, outras tentam se profissionalizar, mas a maioria está à procura de empregos, mesmo não sendo em sua área específica.

As vagas andam escassas, pelo menos é o que parece. Após inúmeras tentativas e vários contatos, a oportunidade não aparece, dizem muitos, porém, há esperanças. Cada vez mais empresas estão contratando através do Linkedin, criado em 2002 com o objetivo de juntar pessoas qualificadas e empresas. Funciona como uma rede social, assim, muitas companhias contratam através dela.

Para te ajudar, aqui vão algumas dicas para destacar o seu o perfil do Linkedin e agarrar aquele emprego dos sonhos!

09 Dicas para melhorar seu perfil no Linkedin!

Melhorar a foto do perfil

Seu rosto é o seu melhor cartão de visitas! Tem o poder de dar a primeira impressão para uma pessoa e talvez a última! Por isso é bom caprichar na escolha da foto. Dificilmente aparecerá nos resultados de busca se não tiver uma.

Perfis com foto recebem 21 vezes mais visualizações e 36 vezes mais mensagens.

Para melhorar, seria bom aplicar o seu trabalho na foto – expondo você mesmo trabalhando. É uma maneira de se destacar dos demais, pois, a foto é a primeira coisa que os contratantes irão ver.

Sempre atualize o seu currículo

Para os mecanismos de busca o cargo é a TAG mais importante do Linkedin, então é sempre bom mantê-lo atualizado. Lembre-se sempre que quem procura no buscador tem um problema e está a procura de soluções, ou seja, um profissional capaz de exercer um trabalho que auxiliará sua empresa. Então, seja específico no seu cargo e evite palavras como “desempregado” ou a “procura de um emprego”.

Crie um resumo

Muitos profissionais, por mais bem qualificados que sejam, pecam nessa área pensando não ser importante. Ao otimizar o seu perfil você sobe no ranking da plataforma.

É muito importante a utilização de palavra-chaves . Pense como se fosse o mecanismo de busca do Google e você quisesse que as pessoas achassem seus blogs ou serviços.

Utilize o resumo como uma espécie de mini-currículo, evidenciando suas áreas de conhecimento e suas habilidades.

Hierarquize-as pela mais importante e quanto antes aparecem na descrição mais facilmente o algoritmo as detecta.

Novamente a utilização de palavras-chave

São através delas que o mecanismo de busca te encontra, então ele é essencial na criação do seu perfil.

Para poder selecionar as palavras chave certas uma dica é pensar nos objetivos no trabalho. Procure no Planejador de Palavras Chave do Google ou do Ubersugest (fácil e gratuito-2020) as palavras mais procuradas. Busque também pelos sinônimos que também podem ser utilizados para incrementar o seu perfil. A técnica é o SEO!

Personalize a sua URL

É possível personalizar sua url e torná-la mais agradável, além de facilitar a divulgação caso outros empregadores estejam interessados em seu perfil, também ajuda a fixar o seu nome.

O seu perfil também pode aparecer no Google e em outros buscadores, então sua URL se torna seu cartão de visitas.

Conexões

Quanto mais conexões você tiver, mais importante é o seu perfil . Mesma lógica aplicada ao mecanismo de rankeamento do Google, quanto mais vezes a sua página for indicada, mais importante ela se torna.

Não se incomode de adicionar pessoas que não conhece, esta rede não é para fazer amigos e sim criar conexões, então quanto mais melhor.

Faça parte de grupos

Participe de grupos e converse com profissionais da sua área. A interação constante com contatos aumentará sua relevância para o algoritmo, além de não fazer mal ter boas relações com pessoas relevantes no seu ramo.

  • O Linkedin tem 6 aplicativos para dispositivos móveis:
    • A rede social oficial.
    • O Slide Share.
    • O Grops.
    • O Sales Navigator.
    • O Job Research.
    • O Recruiter.

Os dois últimos são importantes, pois utilizarão as informações escritas em “interesses de carreira”. Nele poderá selecionar seus cargos de interesse, locais onde pretende trabalhar, vagas que te interessam e etc.

Use o Marketing de Conteúdo

Crie posts/artigos que sejam relevantes para sua audiência. Eles aumentarão seu engajamento e fará acionar os mecanismo de busca – sempre eles, não é?

Uma dica é usar o Linkedin Pulse, que é uma ferramenta em formato de blog, para criar diversos posts. Comece escrevendo sobre temas que você domina.

Com essas ferramentas seu ranking no Linkedin vai aumentar bastante e também suas chances de conseguir o emprego dos seus sonhos . Estou torcendo por você. Boa sorte!.

Deixe uma resposta